Já parou para pensar sobre qual a moda que você quer sustentar? No Colabora Moda Sustentável, essa resposta passa definitivamente pela regeneração: trabalhamos por uma moda capaz de recuperar os danos causados pelo setor à natureza e às pessoas. Isso significa que manter as mesmas práticas produtivas e de consumo presentes há décadas não é mais possível e que apenas garantir a preservação do que ainda existe no planeta não é mais suficiente.

O objetivo de regenerar envolve uma enorme mudança de cultura, portanto, é grandioso e precisa começar a ser construído de imediato. Respondendo ao chamado da ONU, que definiu o período entre 2021-2030 como “A década para a recuperação dos ecossistemas”, dedicamos o Encontro Colabora Moda Sustentável 2021 à moda regenerativa. Afinal, como continuar operando negócios de moda da forma tradicional em um planeta que vem tendo perdas irreversíveis?

Dados para embasar a urgência da regeneração não faltam: a cada ano, “gastamos” mais recursos naturais do que o necessário para garantir o futuro das próximas gerações. Vivemos uma ‘tripla emergência climática’, em que se observa perda de biodiversidade, disrupção climática e poluição crescente – conforme o relatório do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO). Os dados trazidos pelo sexto relatório do IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas) há poucas semanas não são menos alarmantes. O chamado é claro: precisamos reduzir emissões e começar a regenerar ecossistemas agora.

Moda regenerativa só acontece pela colaboração.

Diante desse cenário de crise socioambiental, a moda tem um papel de liderar mudanças. Para nós, o setor é uma força de transformação. Roupas, calçados, acessórios, pinturas corporais e cosméticos são formas de nos protegermos, de nos cuidarmos e, especialmente, de nos expressarmos. Mas, mais do que isso, trata-se de uma indústria global com importante poder de influência.

De olho nos agentes de transformação da moda brasileira, o Encontro Colabora Moda 2021 será composto por três webinários gratuitos. Vale dizer que o Encontro, em outros tempos, seria sinônimo de junção presencial dos integrantes, que vivem em diversas regiões do país. Mas, embora siga no ambiente online em 2021, nesta edição carrega um simbolismo especial: marca o novo ciclo do Colabora Moda Sustentável, que em agosto lançou sua nova identidade visual – a história do Colabora Moda começou em 2017, como Lab Moda Sustentável.

As atividades estão sendo pensadas para discutir o futuro da indústria da moda e como a economia regenerativa e circular pode auxiliar na construção de alternativas. O evento acontece nos dias 15, 22 e 30 de setembro, das 9h às 11h, com palestras abertas ao público e atividades exclusivas aos membros do Colabora Moda Sustentável. As inscrições estão abertas no link https://bit.ly/EventosColaboraModa. Os palestrantes serão divulgados em breve.

Bora cultivar uma moda que age coletivamente pela regeneração?

 

Programe-se para o Encontro Colabora Moda 2021:

 Dia 15 de setembro: Moda regenerativa e circular: onde estamos e para onde devemos ir.

Dia 22 de setembro: Produtividade e equidade: como a promoção do trabalho decente e diversidade impactam na moda.

Dia 30 de setembro: Instrumentos para a moda sustentável: rastreabilidade, certificações, indicadores, formação e comunicação.

 

Fique por dentro acompanhando os canais oficiais do Colabora Moda Sustentável:

 

Site: colaboramodasustentavel.org.br

Instagram: @colaboramodasustentavel

Linkedin: in/colaboramodasustentavel